sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Agravo de Instrumento - Concessão da justiça gratuita

Excelentíssimo Senhor Desembargador Presidente do Egrégio Tribunal de Justiça do Estado de .........................................................














XXXXXXXXXXXXXXX, brasileira, (estado civil), (profissão), inscrita no CPF sob n.◦ 000.000.000-00, e portadora do RG nº ......................., residente e domiciliada a Rua ........................... nº ........, Bairro ........................., neste município de .......................-(UF), por seu advogado e procurador judicial, no final assinado, regularmente inscrita na OAB/...... sob o n.º 00000000000, com escritório profissional instalado na Rua .......................... n.º ......., Centro, .................................. – (UF), local onde receberá as intimações de estilo, e na conformidade com os poderes que lhe foi outorgada e constante do incluso instrumento de mandato - vem, com o devido acatamento, à presença de Vossa Excelência, com fulcro no disposto no art. 522 e seguintes do CPC, interpor o presente

AGRAVO DE INSTRUMENTO


nos autos da AÇÃO DECLARATÓRIA DE REVISÃO E ANULAÇÃO DE CLÁUSULAS CONTRATUAIS C/C CONSTITUTIVA DE DIREITOS, COMPENSAÇÃO DE PAGAMENTOS INDEVIDOS E CONSIGNAÇÃO EM PAGAMENTO, COM PEDIDO DE TUTELA ANTECIPADA - processo n° 000000000000000000 – que promove contra BANCO ..................... S/A, atualmente em trâmite pela ......... Vara Cível da Comarca de .................................., tendo em vista ato ilegal praticado pela Excelentíssima Senhora Doutora Juíza de Direito Vara Única Cível da Comarca de ............................................, dentro do descêndio legal, requerendo especial atenção para o articulado a seguir alinhavado, sobretudo para o requerimento expresso que se consigna para atribuir ao presente recurso efeito suspensivo na conformidade do disposto no inciso II, do artigo 527, do CPC e pelos relevantes motivos de fato e de direito seguir articulados:

Ingressou a agravante com ação em face do Banco agravado, visando, em síntese, a revisão e anulação de cláusulas contratuais bem como, a compensação de valores pagos e consignação em pagamento, tudo em virtude dos altos juros cobrados pelo Banco requerido, onde requereu os benefícios da Justiça Gratuita, dado sua situação econômico-financeira pela qual passa a agravante, o que impossibilita a agravante de arcar com o pagamento das custas processuais, tudo conforme declaração que fora acostada aos autos da ação revisional e o comprovante de seu rendimentos e que estão sendo trasladados para o presente recurso.

Portanto, Ínclitos Julgadores, comparece a agravante, através de sua patrona para requerer seja cassada a r. decisão guerreada, que negou o benefício da justiça gratuita a requerente/agravante, cujo conclusão acerca desse tópico, segue abaixo:

O restante deste modelo, poderá ser obtido por meio de deposito bancário, no valor de R$ 40,00 (quarenta reais).

Solicitamos que os interessados, entrem em contato pelo e-mail: modelosdeacao@hotmail.com, para os acertos necessários e possíveis dúvidas

Nenhum comentário:

Postar um comentário